9 de fevereiro de 2010

ainda os papéis

esfinge-te
e eu te devoro
nada me atinge
chuva granito meteoro
só quando teu olho finge
eu choro


(1989)



.

2 comentários:

Alvaro Vianna disse...

E o pior édipo é o que finge cegueira.

bj

Vagarosa ॐ disse...

obrigada pela doce visita.

enquanto a escritos meus...


de ter, tem.

porém, em segredo.


em pseudônimo, no meio de tantos escritores. rs.

abraços